terça-feira, 13 de julho de 2010

RECEITA DE AMOR [e maçã]





Rubras maçãs, quero três
E num gesto entusiasmado
Corto tudo bem cortado.
Entre olhares mui sestrosos
Insiro lata de leite...
Tudo bem – é condensado...
Água gelada? Uma lata.

Depois de tudo arrumado
Espalho gelo aos pedaços.

Agora, resta bater...
Manhosa e copo na mão,
Olho-te a boca em socorro...
Rubra maçã? Eu... gostosa!

Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Rio de Janeiro, 13 de julho de 2010 – 21h59.

Um comentário:

Wolly disse...

Parabéns pelo blog eu curti muito e principalmente o título,mas eu acho que não exista uma receita

check-matte.blogspot.com